Letreiro móvel superior

8/recent/ticker-posts

Ministério Público Eleitoral processa Anderson Ferreira por propaganda eleitoral antecipada e pede aplicação de multa no valor de R$ 100 mil


Ismael Alves O ex-prefeito de Jaboatão dos Guararapes, Anderson Ferreira (PL), pré-candidato ao Governo de Pernambuco com o apoio do presidente Jair Bolsonaro (PL), corre o risco de ter que desembolsar R$ 100 mil em multa por descumprimento da Legislação Eleitoral. O político foi processado pelo Ministério Público Eleitoral por propaganda eleitoral antecipada. 

Anderson Ferreira teria instalado 100 outdoor no Estado com o pretexto de convite à população para filiação ao PL, sigla partidária na qual preside em Pernambuco. Caso a Justiça Eleitoral acate o pedido do MP, o pré-candidato será penalizado com o pagamento de multa no valor de R$ 100 mil. O montante corresponde ao valor gasto com os outdoors, além da remoção dos mesmos.