Letreiro móvel superior

8/recent/ticker-posts

Professores aposentados de Cortês protestam por reajuste salarial e pagamentos de 2020


Ismael Alves - Professores aposentados da rede pública municipal de ensino de Cortês, Mata Sul, realizaram, na manhã desta terça-feira, 19, um ato de protesto que percorreu as principais ruas da cidade,  seguindo até o Centro Administrativo Municipal. Com cartazes em mãos e gritando palavras de ordem, os docentes clamaram por reajuste salarial, além de reivindicar o pagamento do mês de dezembro de 2020, bem como o 13° salário daquele mesmo ano. 

Ao blog, a professora aposentada Rozivânia Nascimento, ex-secretária de Educação, relatou que a prefeita Fátima Borba (Republicanos) concedeu reajuste de 25% para os professores que estão na ativa, enquanto o Governo Federal anunciou percentual 33,24% para a classe, no entanto, os professores aposentados não tiveram aumento nenhum. Ela também afirmou que mesmo sem aumento, a cobrança da alíquota para o Fundo de Previdência Municipal passou a ser  de 14%. 

Rozivânia Nascimento ainda destacou que o movimento dos professores não foi recebido por nenhum representante da gestão municipal.

A prefeitura se posiciona

Após o protesto, uma breve live foi realizada através da página da prefeita Fátima Borba no Facebook, no entanto, sem a presença da gestora. Nela, o Diretor Executivo do CortêsPrev, Marton Ferreira, afirmou que a prefeitura pretende repassar o reajuste do piso nacional aos  professores aposentados até o percentual de 33,24%, além do pagamento retroativo. Ele afirmou que o pagamento deve ocorrer de forma gradativa, mas não informou prazos, limitando-se a dizer que acontecerá "no momento certo, hora certa".

Uma reunião entre a prefeitura e professores deve acontecer no dia 09 do próximo mês.