Silvio propõe inclusão de único responsável por criança na primeira infância no grupo prioritário da vacina



Ismael Alves
politicanoforno@gmail.com
(81) 99139-7305


Para garantir que crianças na primeira infância não fiquem desamparadas em caso de morte dos pais ou único responsável por causa do coronavírus, o deputado federal Silvio Costa Filho (Republicanos) apresentou o Projeto de Lei 1120/2021. A proposta torna viúvos ou único representante legal parte dos grupos prioritários na vacinação desde que os demais responsáveis diretos tenham falecido por causa da covid-19. Em pouco mais de um ano, o Brasil já registrou mais de 320 mil mortes pelo coronavírus. Nas crianças com até 6 anos, os efeitos vão além dos danos à saúde, se estendendo para o campo emocional e financeiro, já que muitos deles se tornam órfãos e perdem todo o apoio que uma família é capaz de possibilitar.


O projeto leva o nome do advogado Gustavo de Freitas Cavalcanti Costa, que foi vítima do coronavírus aos 47 anos, deixando dois filhos menores de idade e uma esposa como única responsável legal pelas crianças. Para o parlamentar, a inclusão é uma forma de amenizar os graves efeitos da pandemia nas famílias brasileiras. "Infelizmente, o país tem sofrido com as mortes por causa do novo coronavírus. Milhares de pessoas foram atingidas e muitos filhos perderam seus pais. Nosso projeto pretende servir como um apoio aos viúvos, viúvas e todos os filhos. Mesmo com a dor que eles estão vivendo. É fundamental protegermos os responsáveis que terão que cuidar da família, inclusive financeiramente. Temos que fazer o possível para que essas crianças não sejam criadas sem elos familiares, nem tenham sua saúde psíquica profundamente abalada e a vacinação imediata é medida que se impõe para garantir-lhes essa possibilidade", destacou Silvio.


Além de trabalhar para incluí-los no grupo prioritário e votar em pautas que estimulem a ampliação da vacinação no Brasil, Silvio tem trabalhado por mais vacinas nos municípios de Pernambuco. Recentemente, o parlamentar anunciou a destinação de R$ 1 milhão em emendas parlamentares para os municípios combaterem a Covid-19. Os recursos serão utilizados para a aquisição de vacinas que irão imunizar a população.

--Publicidade--



Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem