Ticker

6/recent/ticker-posts

Lula e esposa testam positivo para covid-19 e ficarão em isolamento



Correio Braziliense - O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e sua esposa, Janja Lula Silva, testaram positivo para covid-19. O resultado foi divulgado neste domingo (5/6). Eles ficarão em isolamento. Segundo a equipe do petista, ambos passam bem, e petista está assintomático.

"O ex-presidente Lula e sua esposa Janja foram diagnosticados hoje com covid-19. Os dois estão bem, o ex-presidente (está) assintomático e Janja com sintomas leves. Ficarão em isolamento e acompanhamento médico nos próximos dias", escreveu a equipe do pré-candidato.

O resultado coloca uma pausa nos eventos programados para a agenda de Lula. Segundo a assessoria do ex-presidente, as participações programadas para o início desta semana estão canceladas. Nesta segunda-feira (6/6), Lula participaria de um encontro em São Paulo para lançar a iniciativa "Quilombo nos parlamentos", que visa impulsionar pré-candidaturas de pessoas ligadas à causa negra para as eleições de 2022. Já na terça-feira (7/6), o ex-presidente tinha presença marcada em um evento com representantes do setor energético para discutir a privatização da Eletrobras.

Outra participação de Lula que deve ser cancelada é o lançamento da pré-candidatura do ex-prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD), ao governo de Minas Gerais, que ocorrerá na sexta-feira (10/6).

Alckmin ficou 12 dias isolado por covid-19

O pré-candidato a vice na chapa de Lula, o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSB), também teve a agenda cancelada por ter contraído a covid-19 em 3 de maio, poucos dias antes do lançamento oficial da pré-candidatura dos dois, em 7 de maio.

Alckmin ficou 12 dias isolado, sem participar dos eventos presidenciais, e teve apenas sintomas leves. No lançamento da chapa, seu discurso foi feito por videochamada.