Ticker

6/recent/ticker-posts

Novo temporal causa alagamentos em Pernambuco



G1 - Voltou a chover forte em diversas cidades de Pernambuco, nesta sexta-feira (3), dia em que os bombeiros encontraram o último corpo de pessoa que estava desaparecida por causa do temporal, a 128ª vítima da segunda maior tragédia no estado em relação ao total de mortos. Ruas ficaram alagadas, mas não houve registro de feridos.

O canal da Avenida Agamenon Magalhães transbordou, complicando o trânsito em uma das principais vias da cidade. Segundo a Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac), apenas a área central do Recife registrou, em três horas, 66 milímetros de chuva, o que causou alagamentos.

"Essas chuvas de hoje é o que já é normal para o período chuvoso. Em média, são registrados chuvas em 23 dias aqui na nossa região durante junho", declarou o gerente de Meteorologia e Mudanças Climáticas da Apac, Patrice Oliveira.

Em um trecho ao lado da BR-101, em Jardim Monte Verde, no limite entre o Recife e Jaboatão dos Guararapes, a água barrenta dos morros correu com grande intensidade em um canal. Os moradores ficaram preocupados devido ao risco de novos deslizamentos ocorrerem no local onde dezenas de pessoas morreram soterradas no dia 28 de maio.