Ticker

6/recent/ticker-posts

Eleições 2022: conheça os pré-candidatos ao governo de Pernambuco



G1 - O primeiro turno da eleição para o governo de Pernambuco está marcado para 2 de outubro de 2022, mas as negociações por alianças e o lançamento de pré-candidaturas se intensificaram nas últimas semanas.

O cenário ainda não está definido, e as negociações para formação de federações partidárias também podem mudar os nomes para o pleito estadual.

A Justiça Eleitoral determina que o período para os partidos realizarem convenções e decidirem seus candidatos começa em 20 de julho. O pedido de registro da candidatura deve ser feito até 15 de agosto.

Confira a lista de quem, até aqui, é pré-candidato (em ordem alfabética):

Anderson Ferreira



Situação: ele deixou no dia 31 de março o cargo de prefeito de Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife. Ele estava em seu segundo mandato. Aos 49 anos, ele irá disputar o governo pelo partido do presidente da República, Jair Bolsonaro.

Lançamento: A pré-candidatura foi lançada no dia 6 de abril, em evento do partido realizado num hotel em Boa Viagem, na Zona Sul do Recife

Cláudia Ribeiro (PSTU)



Situação: É formada em pedagogia pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e professora da rede municipal do Recife. Foi dirigente do Sindicato dos Professores do Recife (Simpere).

Lançamento: A pré-candidatura de Cláudia Ribeiro foi lançada no dia 7 de maio em evento do partido pela internet.

Danilo Cabral (PSB)



Situação: no terceiro mandato como deputado federal, Danilo Cabral é advogado, tem 54 anos e também já foi vereador do Recife. Entre os anos de 2012 e 2014, para exercer o cargo de secretário das Cidades na gestão do ex-governador Eduardo Campos (PSB).

Lançamento: A pré-candidatura foi lançada no dia 21 de fevereiro, em evento do partido realizado num hotel em Boa Viagem, na Zona Sul do Recife.

Esteves Jacinto (PRTB)



Situação: Cantor gospel e pastor evangélico, tem 56 anos e atua há mais de 30 anos na indústria da música cristã. Já se candidatou a vereador de Jaboatão, a vereador do Recife e a deputado federal. Também se candidatou a prefeito do Recife pelo PRTB, mas teve que que renunciar à candidatura por problema na Justiça Eleitoral.

Lançamento: A pré-candidatura foi lançada no dia 3 de maio, em evento do partido realizado em uma casa de festas e eventos no bairro de Casa Forte, na Zona Norte do Recife. Ele assumiu o lugar de Armando Filho, que chegou a ser anunciado como pré-candidato ao governo pelo partido, mas desistiu da candidatura.

Jadilson Bombeiro (PMB)



Situação: Suplente de vereador em Olinda, tem 43 anos e é sargento do Corpo de Bombeiros de Pernambuco, além de bacharel em direito, pós-graduado em direito penal e processo penal, e formado em ciência política.

Lançamento: A pré-candidatura de Jadilson Bombeiro foi lançada pela internet, em 7 de abril.

João Arnaldo (PSOL)


Situação: É advogado, tem 47 anos e foi candidato a vice-prefeito do Recife, em 2020, na chapa de Marília Arraes (PT), derrotada pelo atual prefeito João Campos (PSB).

Lançamento: A pré-candidatura de João Arnaldo foi oficializada em 22 de janeiro, depois de uma conferência eleitoral realizada pela internet. Ele teve 73% dos votos dos integrantes do PSOL.

Jones Manoel (PCB)



Situação: Historiador, professor de história e youtuber, tem 32 anos e é mestre em serviço social. Tem três livros publicados, todos sobre o pensamento marxista, raça, classe e colonialismo.
Lançamento: A pré-candidatura foi apresentada pelo PCB durante uma live nas redes sociais.

Marília Arraes (Solidariedade)



Situação: É deputada federal, segunda secretária da Câmara dos Deputados e presidente estadual do Solidariedade. Tem 37 anos, foi vereadora do Recife por dez anos e, em 2020, se candidatou à prefeitura, sendo derrotada pelo atual prefeito João Campos (PSB).

Lançamento: A pré-candidatura de Marília Arraes foi anunciada em 25 de março, no ato de filiação da deputada federal ao Solidariedade, após sair do PT.

Miguel Coelho (União Brasil)



Situação: no segundo mandato de prefeito de Petrolina, no Sertão, deixou o cargo no dia 31 de março. Tem 31 anos, já foi deputado estadual e é filho do ex-líder do Senado no governo Bolsonaro Fernando Bezerra Coelho.

Lançamento: A assessoria de Miguel Coelho afirma que a pré-candidatura está lançada, mas não oficializada, com apoio de outro partido, ainda em negociação. Em 8 de fevereiro, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) autorizou a criação do União Brasil, fusão do DEM e PSL.

Raquel Lyra (PSDB)


Situação: no segundo mandato como prefeita de Caruaru, no Agreste, deixou o cargo no dia 31 de março. Exerceu dois mandatos de deputada estadual. Atualmente, preside o PSDB em Pernambuco. Tem 43 anos, foi delegada da Polícia Federal e atuou na Procuradoria-Geral do estado.

Lançamento: o lançamento oficial da candidatura pelo PSDB ocorreu no dia 2 de abril.