Letreiro móvel superior

8/recent/ticker-posts

Caruaru: Anderson Correia e PMPE conduz homem à delegacia por abandonar cadela com patas quebradas



O vereador e pré-candidato a deputado federal, Anderson Correia (PP), com o apoio da Polícia Militar de Pernambuco, conduziu mais uma pessoa para a delegacia por cometer crime de maus-tratos contra um animal. Desta vez, o caso foi de um homem que abandonou uma cadela com as patas quebradas em frente a AME Animal, em Caruaru. Pessoas que estavam no local viram o ato de abandono e denunciaram ao parlamentar, que de pronto foi em busca do indivíduo e o encontrou, levando-o para prestar depoimento à Polícia Civil.

“Foi uma das denúncias mais tocante que recebi. Um ato desumano de desamor e ingratidão de uma pessoa abandonar um animal assim, sem sequer ter condições de andar, com as patas quebradas. Mas conseguimos levar ele para a delegacia, onde ele confessou o crime de maus-tratos, em seguida foi liberado após a audiência de custódia, sem pagar fiança, mas terá que pagar as despesas clínicas do animal e responderá o processo criminal. O Poder Judiciário precisa exigir o cumprimento das legislações animalistas aqui no município, garantir o direito à saúde dos animais, para que casos como este não voltem a acontecer. Precisamos de um mundo melhor para todos, humanos e não-humanos”, destacou o parlamentar.

A cadela foi resgatada pelo vereador e sua equipe, e levada para clínica particular, onde passará por uma cirurgia e todos os cuidados necessários para depois ficar à disposição para uma adoção responsável. O parlamentar seguirá acompanhando o caso. O crime para quem abandona e maltrata animais – cães e gatos – é de 2 a 5 anos de prisão e pagamento de multa, conforme a Lei Sansão (Lei 14.064/20).