Letreiro móvel superior

8/recent/ticker-posts

Inspeção do TCE aponta graves irregularidades no transporte escolar de Cortês

Imahem ilustrativa

Ismael Alves - A 1ª Fiscalização Ordenada de Transporte Escolar realizada pelo Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE-PE) revelou um cenário  caótico  no Estado. O diagnóstico obtido representa risco iminente de acidentes envolvendo o transporte público estudantil, o que significa perigo real aos estudantes que dependem do serviço.

Essa realidade inclui o município de Cortês, Mata Sul. Dentre os veículos inspecionados pelo TCE, nenhum possuiu selo de Inspeção do Detran. Outra falha encontrada está relacionada à condição técnica dos tacógrafos. Todos os equipamentos analisados apresentaram problemas.

Quase todos os veículos também apresentaram falhas com cinto de segurança, equipamento obrigatório e de grande importância em caso de acidentes. Por último e não menos importante, nenhum dos motoristas dos transportes  inspecionados pelo TCE possui autorização para conduzir estudantes.

Apesar das condições adversas que foram identificadas no transporte escolar de Cortês, a prefeitura recebeu a autorização da Câmara, em novembro do ano passado, de crédito adicional para a manutenção do transporte escolar.

Todos os dados apresentados nesta matéria são oficiais e podem ser conferidos no site do próprio TCE. Clique aqui e veja!

Clique para ampliar