Letreiro móvel superior

8/recent/ticker-posts

Ao blog, Clodoaldo reafirma apoio a Danilo Cabral, Lula e defende palanque unificado para o ex-presidente; deputado estadual vai concorrer vaga na Câmara pelo PV




Ismael Alves - Durante conversa com o editor deste blog na manhã desta quarta-feira, 23, o deputado estadual Clodoaldo Magalhães demonstrou otimismo com o seu ingresso ao Partido Verde (PV), sigla da qual se filiou na última segunda-feira, 21, assumido sua presidência em Pernambuco. 

No 4° mandato consecutivo como deputado estadual, Clodoaldo agora quer representar Pernambuco na Câmara Federal e fortalecer a defesa ao meio ambiente. O parlamentar demonstrou preocupação com o tema e destacou que sempre atuou em defesa da causa. Ele também ressaltou a importância do PV neste cenário, relembrando o pioneirismo da agremiação nas pautas ambientais brasileiras e em todo o mundo. 

Sem ressentimentos

Na conversa, Clodoaldo Magalhães reafirmou que seguirá na Frente Popular  apoiando a pré-candidatura de Danilo Cabral (PSB) ao Governo de Pernambuco. 


Antes de ingressar no PV, Clodoaldo sofreu pressão de deputados do PSB, que se incomodaram com sua pré-candidatura à Câmara Federal. Alguns companheiros de sigla acusaram Clodoaldo de invadir  bases eleitorais em busca de apoio para o novo projeto, chegando a defender sua expulsão. Contudo, Clodoaldo sempre negou as acusações. 

Já fora do PSB, o parlamentar garante que não existe ressentimentos e continuará fortalecendo os ideais da frente popular. Sua filiação ao PV contou com a presença de quadros expressivos do PSB e de outras siglas que compõem a Frente Popular. O alinhamento também se estende ao plano presidencial. Clodoaldo deixa claro o seu apoio ao ex-presidente Lula (PT), pré-candidato à Presidência da República.

O fator Marília

Questionado sobre a situação da deputada federal Marília Arraes (PT), protagonista de um desentendimento com o PT, PSB e partidos da Frente Popular, e que tem pretensão de disputar o governo de Pernambuco dividindo o apoio de Lula, Clodoaldo evitou entrar em detalhes por considerar um assunto "pessoal" que só pode ser respondido por Marília, mas deixou claro que defende a união em torno do ex-presidente. O parlamentar se mostrou desconfortável com a ideia de divisão de palanques. 

Confira a entrevista: