Mark Zuckerberg perde quase US$ 6 bi em dia de falhas e denúncias ao Facebook




Ismael Alves
politicanoforno@gmail.com
(81) 99139-7305

CNN - Mark Zuckerberg, o CEO do Facebook e sexto homem mais rico do mundo, perdeu US$ 5,9 bilhões de sua fortuna nesta segunda-feira (4), após uma queda de quase 5% no preço das ações de sua empresa na Nasdaq, a bolsa de tecnologia de Nova York.

Com isso, de acordo com o ranking de bilionários em tempo real da Forbes, o patrimônio de Zuckerberg está agora em US$ 116,8 bilhões. O valor ainda é mais que o dobro de 2020, quando sua fortuna era avaliada em US$ 54,7 bilhões.

A queda veio em um dia conturbado para as empresas de tecnologia como um todo, que sofreram quedas fortes nas bolsas americanas, e para o Facebook em especial.

As principais plataformas do grupo de Zuckerberg – WhatsApp, Instagram, Messenger e o próprio Facebook – ficaram mais de seis horas fora do ar nesta tarde, em vários lugares do mundo.

A companhia também sofre com denúncias divulgadas por jornais americanos insinuando que a rede social não tem feito esforços suficientes para evitar os efeitos negativos da suas publicações – em casos, por exemplo, como a incitação à invasão do Capitólio, em Washington, em janeiro deste ano.

No domingo, a ex-funcionária Frances Haugen, que integrava a equipe de integridade cívica do Facebook, reforçou as acusações ao canal de TV americano CBS.

As ações do Facebook encerraram a sessão em queda de 4,98%, em um dia de perdas fortes para bolsas do mundo todo, em especial para as empresas de tecnologia.

As ações da Apple, Microsoft, Amazon e Alphabet, dona do Google, recuaram mais de 2% cada. A Nasdaq caiu 2,14%.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem