Governo de PE acaba restrição de horário em atividades sociais e econômicas e amplia capacidade de público em eventos e estádios




G1 - O governo de Pernambuco anunciou, nesta quinta (28), o fim da restrição de horário de funcionamento das atividades sociais e econômicas em todo o estado. Também aumentou a capacidade de público em eventos e em jogos de futebol e informou que Fernando de Noronha terá festa de réveillon.

As novas medidas passam a valer no dia 1º de novembro. Elas foram anunciadas durante entrevista coletiva realizada no Palácio do Campo das Princesas, sede do governo estadual, no Centro do Recife.

Participaram o secretários de Saúde, André Longo, e de Turismo, Rodrigo Novaes, além da secretária-executiva de Desenvolvimento Econômico, Ana Paula Vilaça.

Segundo o governo, o limite do número de pessoas em competições esportivas, eventos sociais, culturais e corporativos, shows, bailes e vaquejadas, dobra. Passa de 2,5 mil para 5 mil pessoas e 80% da capacidade do espaço, o que for menor.

Nos cinemas, teatros, circos e museus o funcionamento poderá ser com 100% da capacidade. Em jogos de futebol profissional, a quantidade de torcedoras nos estádios sobe para até 30% da capacidade nos estádios. 

Outra novidade é o fim da obrigatoriedade de máscaras em locais abertos, em Fernando de Noronha. Isso ocorre a partir de 17 de novembro.

De acordo com Ana Paula Vilaça, o controle vacinal continua sendo realizado em todos esses espaços. “Continua a exigência de esquema vacinal completo para 90% desse público e de apenas 10% com apenas uma dose e testagem negativa para a Covid-19”, destacou.


Saúde


O secretário André Longo destacou que, neste momento, não é possível a liberar o uso de máscara no restante do estado. Ele lembrou que, em Fernando de Noronha, toda a população elegível está vacinada com as duas doses contra a Covid-19.

“O último caso em Noronha ocorreu há mais de um mês e o último quadro grave há mais de quatro meses. No restante do estado, ainda não há condições sanitárias de fazer isso. Estamos com apenas 60% da população elegível acima de 12 anos vacinadas e ainda temos 500 mil pernambucanos com a segunda dose atrasada”, destacou.

Ainda segundo ele, em Noronha, os moradores estão em dia com a vacinação das doses de reforço e há "uma baixíssima circulação viral".

"Aqui no continente, a gente atingiu, hoje, 60% da população vacinada elegível, acima de 12 anos, então a gente considera esse número ainda insatisfatório para tomar uma medida como esta, mesmo que em ambientes abertos.”

O gestor disse também que o estado trabalha "com um patamar de segurança que é próximo aos 80% e com um patamar de circulação viral menor".

"Hoje, a gente ainda está tendo tacas de positividade de 6 a 7%, em especial de pessoas sintomáticas. E o controle se estabelece quando esse patamar está abaixo de 5%. A gente precisa ainda avançar mais no processo de vacinação para pensar na flexibilização do uso de máscaras aqui no continente”, afirmou.


Veja como ficam as atividades


Academias e similares

100% da utilização dos aparelhos de cardio;

Sem restrição de horário.

Serviços de alimentação

80% da capacidade do local com até 15 pessoas por mesa;

Sem restrição de horário;

Distanciamento de 1 metro entre as mesas;

Permitido música ao vivo;

Permitido pessoas em pé, com máscara.

Comércio varejista de bairro

Um cliente a cada 5 m² para áreas internas das lojas e de circulação;

Sem restrição de horário.

Comércio varejista do Centro

Um cliente a cada 5 m² para áreas internas das lojas e de circulação;

Sem restrição de horário;

Shoppings centers e galerias comerciais

Um cliente a cada 5 m² para áreas internas das lojas e de circulação

Feira de negócios

Um cliente a cada 5 m² para áreas internas dos estandes e de circulação;

Sem restrição de horário.

Escritórios comerciais

100% da capacidade do local;
Sem restrição de horário.

Clubes sociais

Sem restrição de horário;

Permitido sauna;

Permitido música ao vivo

Eventos (formatura/cultos ecumênicos/ shows/bailes/eventos esportivos e vaquejadas)

Cinco mil pessoas ou 80% da capacidade do local, o que for menor;

A partir de 300 pessoas, ingresso apenas de público 90% vacinado com 2 doses ou vacina de dose única, e 10% com 1ª dose e teste rápido de antígeno negativo realizado durante o período de 24 horas que antecedem o evento ou teste RT-PCR negativo realizado até 48 horas antes do evento;

Obrigatório uso de máscara

No mínimo 50% da capacidade de pessoas permitida no espaço deve estar acomodada em mesas e cadeiras;

Permitido ficar em pé com máscara;

Sem restrição de horário.

Cinemas, teatros e circos

100% da capacidade do local;

A partir de 300 pessoas, ingresso apenas de público 90% vacinado com 2 doses ou vacina de dose única, e 10% com 1ª dose e teste rápido de antígeno negativo realizado durante o período de 24 horas que antecedem o evento ou teste RT-PCR negativo realizado até 48 horas antes do evento;

Sem restrição de horário

Museus

100% da capacidade do local
Sem restrição de horário

Competições esportivas:

Cinco mil pessoas ou 80% da capacidade do local, o que for menor;

A partir de 300 pessoas, ingresso apenas de público 90% vacinado com 2 doses ou vacina de dose única, e 10% com 1ª dose e teste rápido de antígeno negativo realizado durante o período de 24 horas que antecedem o evento ou teste RT-PCR negativo realizado até 48 horas antes do evento;

Sem restrição de horário.

Jogos de futebol profissional:

Até 30% da capacidade do estádio
A partir de 300 pessoas, público 90% vacinado com 2 doses ou vacina de dose única, e 10% com 1ª dose e teste rápido de antígeno negativo realizado durante o período de 24 horas que antecedem o evento ou teste RT-PCR negativo realizado até 48 horas antes do evento;

Sem restrição de horário.

Capacidade de público nos estádios de Pernambuco:

Arena de Pernambuco: até 13.380 torcedores (capacidade total de 46,1 mil)

Arruda: até 18 mil torcedores (capacidade total de 60 mil)

Ilha do Retiro: até 10.500 torcedores (capacidade total de 35 mil)

Aflitos: até 5.880 torcedores (capacidade total de 19,6 mil)

Lacerdão (Central): até 9.000 torcedores (capacidade total de 30 mil)

Cornélio de Barros (Salgueiro): até 3.600 torcedores (capacidade total de 12 mil)

Ademir Cunha (Paulista): até 3.600 torcedores (capacidade total de 12 mil)

Escolas e universidades

Sem restrição de horários.
Distanciamento de 1 metro entre as bancas escolares

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem