Letreiro móvel superior

8/recent/ticker-posts

Cortês | Mulher diz ter sido ameaçada por vigilantes contratados pela prefeitura após interromper agressão contra homem




Ismael Alves
politicanoforno@gmail.com
(81) 99139-7305

Uma moradora do município de Cortês, Mata Sul, afirma ter sido ameaçada por vigilantes que prestam serviço à prefeitura. De acordo com ela, a ameaça teria ocorrido na madrugada desta terça-feira, 29, quando os vigilantes tentavam conter um Servidor municipal identificado como "Sandro coveiro", que durante uma discussão entre conhecidos, se armou com uma faca e precisou ser contido. O caso teria ocorrido na Rua Leandro Gomes, em frente ao cemitério.

Segundo a denunciante, conhecida na localidade por Dona Maria, de 48 anos, já depois de terem dominado o rapaz, o grupo de vigilantes teria retornado ao local e iniciado uma série de agressões contra o servidor público, que mesmo deitado ao chão, era atingido por socos e pontapés.

Ao blog, ela explicou que via tudo de sua casa, quando decidiu gritar e interromper as agressões, afirmando que aquilo  "covardia". Um dos vigilantes teria reagido chamando-a, que de acordo com ela, teria sido uma forma de intimidação.

Ela também contou que em seguida, os vigilantes pararam em frente à sua residência, e um deles fez um gesto positivo com o polegar, que de acordo com ela, soou como ameaça.

Nas redes sociais, a filha de Dona Maria, Melissa Santos, chegou a compartilhar uma afirmação de que os vigilantes estariam armados com revólver. Ainda na sua publicação, ela lembra que o município não dispõe de Guarda Municipal. 

Os vigilantes foram contratados pela prefeitura no mês de maio. O blog entrou em contato com a assessora de comunicação da prefeitura e aguarda um posicionamento da gestão municipal.



Mensagem compartilha por Melissa Santos 

Mãe e filha relataram o ocorrido. Confira, abaixo:




LEIA TAMBÉM


Cortês | Ao lado de Henrique Queiroz, Geninho participa de entrega de ações do ITERPE e garante benefícios para agricultores