Senado aprova projeto de Eduardo da Fonte e amplia Teste do Pezinho feito pelo SUS para diagnosticar 53 doenças




Ismael Alves
politicanoforno@gmail.com
(81) 99139-7305


O Senado Federal aprovou o PL 5043/20 que amplia para 53 o número de doenças diagnosticadas pelo Teste do Pezinho realizado no SUS. Atualmente, o teste realizado na rede pública de saúde só identifica seis doenças. Para começar a valer, o texto precisa ser sancionado pelo presidente da República. Um dos autores do projeto é o deputado federal Eduardo da Fonte (PP-PE).

“Conseguimos democratizar o Teste do Pezinho ampliado, que antes só era feito na rede privada. Essa é uma luta nossa junto às associações de doenças raras, especialmente de atrofia muscular espinhal (AME), que também teve o diagnóstico inserido no exame. Temos que celebrar esse importante avanço na saúde pública brasileira que possibilitará a promoção de maior qualidade de vida para as crianças brasileiras”, afirmou Eduardo da Fonte.

A advogada especializada em Direito da Saúde e parceira da AAME, Viviane Guimarães, também celebrou. “A ampliação possibilitará a pesquisa genética da atrofia muscular espinhal. Esta conquista não seria possível sem a ajuda do deputado e da associação AAME - Amigos da Atrofia Muscular Espinhal. Agora temos o tratamento e em breve, o diagnóstico precoce”, afirmou.


Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem