Ex-jogador da seleção brasileira, Branco piora da Covid e respira por aparelhos em UTI

Ismael Alves
politicanoforno@gmail.com
(81) 99139-7305


G1 - Internado com Covid no Rio, o ex-lateral esquerdo Cláudio Ibraim Vaz Leal, o Branco, de 56 anos, teve piora clínica na quinta-feira (18) e precisou ser intubado na UTI do Hospital Copa Star, em Copacabana.

Segundo boletim médico divulgado nesta sexta (19), o ex-jogador, atualmente coordenador técnico da seleção brasileira de base, deu entrada na unidade de saúde na terça, com quadro grave de acometimento pulmonar por Covid.

"Recebeu toda assistência intensiva de suporte respiratório-fisioterápico e medicamentosa, evoluindo ontem com piora clínica, necessitando de ventilação mecânica por aparelhos. No momento, encontra-se em leito de terapia intensiva, sob monitorização contínua, sedado e respirando por aparelhos. O quadro está evoluindo de maneira estável nas últimas 24h e ainda não há previsão de quando vai poder respirar por meios próprios", diz a nota.

Segundo o Globo Esporte, ele foi um dos infectados pelo vírus em recente viagem da seleção brasileira sub-18. Ao menos outros cinco integrantes da delegação que viajou a Recife, para período de treinos e amistosos no centro de treinamento do Retrô FC, testaram positivo.

Ainda de acordo com o Globo Esporte, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) acompanha e monitora caso a caso, mas todos apresentam boa recuperação e estão isolados, mesmo aqueles que testaram negativo no retorno da viagem.


Branco teve passagens pelo Internacional, Fluminense, Flamengo e Corinthians. Também jogou no Brescia e Genoa, na Itália, e no Futebol Clube do Porto, em Portugal.

Ele também esteve presente em três Copas do Mundo: 1986, no México, 1990, na Itália, e 1994, nos Estados Unidos. Nessa última, quando a seleção brasileira conquistou o tetracampeonato, marcou o gol decisivo da vitória contra a Holanda nas quartas de final do torneio.

--Publicidade--



Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem