Chã Grande | Em meio a falta de água nas torneiras, vereadores fazem vistoria e encontram barragens cheias; parlamentares cobram solução da Compesa



Ismael Alves
politicanoforno@gmail.com
(81) 99139-7305


Nesta quarta-feira, 17, um grupo composto por cinco vereadores do município de Chã Grande, Zona da Mata, conferiu, in loco, a situação das barragens que são responsáveis pelo abastecimento de água da cidade. 

A ação do Poder Legislativo ocorre em meio a uma crise hídrica que se instalou no município, causando grandes transtornos à população. 

Os vereadores Jorge Luis (PL) Gilvan Bolão (Avante), Ninha de Zé Maria (Avante), Andreson de Agrício e Wedson de Biu Beléu (PP) estiveram nas barragens de Macacos, na zona rural de Chã Grande, e em Amora Grande, zona rural de Amaraji. Em ambos os reservatórios, constataram grande quantidade de água.

Presidente da Câmara, Jorge Luis relembrou que o problema da falta de água é recorrente, e que no ano de 2018, também houve uma ação similar similar por parte dos legisladores, que em meio a escassez de água nas torneiras foram até as barragens e encontraram os mananciais cheios. 

O parlamentar também ressaltou a falta de manutenção na barragem de Macacos, destacando assoreamento e a presença excessiva da  vegetação que se alastra por toda a extensão do reservatório. Jorge defendeu que a "Compesa faça uma intervenção rapidamente, para que a sociedade de Chã Grande não passe por esse momento difícil que está vivendo, que é a falta de água", destacou.

O vereador Gilvan Bolão, que retornou a Casa Paulo Viana de Queiroz em janeiro deste ano, também demonstrou insatisfação com a situação ao falar sobre o assunto. "A gente está mostrando que Chã Grande tem água e a população está carente, precisando de água", afirmou. O parlamentar reafirmou o compromisso em lutar por melhorias no abastecimento da cidade, que é de responsabilidade da Compesa.

Gilvan Bolão é vereador pelo Avante em Chã Grande


--Publicidade--

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem