Lei de autoria de Hélio Guabiraba assegura a 'Semana de Combate às Fakes News' no Recife



Ismael Alves
politicanoforno@gmail.com
(81) 99139-7305


Na era das mídias sociais, a propagação de notícias falsas se tornou um problema com uma dimensão ainda maior. Hoje conhecidas como fake news, essas informações enganosas podem causar danos à imagem das pessoas e até colocar vidas em risco. 

É o que alerta o vereador Hélio Guabiraba (PSB), autor da lei municipal nº 18.744/2020. Para conscientizar a população a respeito desse fenômeno, a norma estabelece no Recife a Semana Municipal de Conscientização e Combate à Disseminação de Notícias Falsas (Fake News).

A ser realizada anualmente na primeira semana de julho, a Semana poderá contar com atividades como distribuição de materiais informativos em escolas e vias públicas, além de realização de palestras e ações com artistas de rua.

No texto que acompanha o projeto que deu origem à lei, Hélio Guabiraba explica que fake news são informações falsas “publicadas como se fossem notícias reais geralmente para defender um ideal ou reforçar um pensamento, com a intenção de criar boatos por meio de mentiras e da disseminação de ódio, prejudicando, assim, pessoas comuns, celebridades, políticos e empresas”.

O parlamentar adverte que, para enganar a população, os autores de fake news contam com estratégias que servem para dar uma aparência de confiabilidade às afirmações equivocadas. “Em vários casos, a notícia contém uma informação falsa cercada de outras verdadeiras. É principalmente nessas situações que estão escondidos os perigos das fake news, e suas consequências podem ser desastrosas”, diz. “Um exemplo marcante foi o caso da Senhora Fabiane de Jesus que, após boatos na internet, com sua foto, afirmando que ela raptava crianças para rituais de magia negra, foi linchada pela população ao passar na rua”.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem