Ticker

6/recent/ticker-posts

Sem 13° e salário de dezembro, professores e aposentados de Cortês realizam protesto em frente à prefeitura

Foto: Portal Nova Noticias/Reprodução


Ismael Alves
ismaelgravatafm@gmail.com
(81) 99139-7305


Em fim de mandato, o prefeito de Cortês Reginaldo Morais (PP) tem protagonizado uma história amarga e cheia de embaraços do ponto de vista administrativo. 

Na  antevéspera de deixar o comando da prefeitura, sua gestão tem sido alvo de protestos de professores e aposentados do Município que ainda aguardam receber os salários de dezembro e o 13°.  De acordo com a Legislação Trabalhista, o 13° deve ser pago até o dia 20 de Dezembro.

Prefeito de um mandato só, Reginaldo não conseguiu aprovação popular nas urnas para continuar à frente da gestão municipal, vindo a perder as eleições para a vereadora Fátima Borba (Republicanos), diplomada prefeita e pronta para administrar a partir da próxima sexta-feira, 01 de Janeiro.