Palmares: Operação da Polícia Civil é deflagrada contra esquema de corrupção na prefeitura




Ismael Alves
ismaelgravatafm@gmail.com
(81) 99139-7305


G1 - A Polícia Civil de Pernambuco desencadeou, nesta quinta-feira (17), a operação de Fim de Jogo, para investigar um esquema de corrupção na prefeitura de Palmares, na Zona da Mata pernambucana. 

Foram cumpridos 11 mandados de busca e apreensão domiciliar no Recife e em Água Preta, além de Palmares, e ordens de sequestros de bens e valores.


A ação apura a prática dos crimes de peculato e falsificação de documentos. Peculato é o crime em que um funcionário público se apropria ou desvia um bem público em benefício próprio ou de terceiros. 


Segundo a polícia, foram cumpridos mandados na prefeitura e em secretarias. Um dos alvos da investigação foi a Secretaria de Esportes de Palmares, que teria tido contratos falsificados.


De acordo com a Civil, as investigações tiveram início em janeiro deste ano e contaram com apoio da Diretoria de Inteligência da Polícia Civil de Pernambuco (Dintel), além de participação do laboratório de Lavagem de Dinheiro (LAB) e colaboração do Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE).


As investigações foram comandadas pelo delegado Diego Pinheiro, titular da 2ª Delegacia de Combate à Corrupção (Deccor), que integra o Departamento de Repressão à Corrupção e ao Crime Organizado (Draco).


Ao todo, foram escalados para cumprir os mandados da operação 70 policiais civis, entre delegados, agentes e escrivães.



Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem