Amaraji | Após circulação de pesquisa irregular que beneficia Aline Gouveia, coligação de Rildo Reis vai à Justiça contra candidata



Ismael Alves
ismaelgravatafm@gmail.com
(81) 99139-7305


Uma representação impetrada no último Sábado, 24  pela 'Coligação o Avanço não pode parar', que tem o prefeito Rildo Reis (Avante) como candidato à reeleição, requer responsabilização e penalização da candidata Aline Gouveia (PSB), em virtude de uma pesquisa eleitoral irregular, compartilhada por um apoiador seu, em grupos de WhatsApp. 


De acordo com os autos do processo n° 0600448-47.2020.6.17.0031, os números de um suposto levantamento eleitoral sem registro, divulgados por um eleitor declaro de Aline, citado pela coligação na representação, mostram a candidata em ampla vantagem sobre os demais concorrentes ao cargo de prefeito. A informação pode ocasionar desequilíbrio no pleito.

À Justiça Eleitoral, a coligação de Rildo solicitou que o responsável pela divulgação, bem como o beneficiado, sejam punidos pelo compartilhamento de pesquisa falsa, o que caracteriza crime eleitoral.

Se deferido o pedido, os representados ainda poderão ser multados em valores que variam de R$ 53.000,00 a R$ 104.000,00. A candidata Aline Gouveia deverá apresentar sua defesa. O processo tramita na 031ª Zona Eleitoral de Amaraji.


5 Comentários

  1. O 40 sabe que o barco dele tá afundando..só dá 70

    ResponderExcluir
  2. Rildo Reis, não deve nada a Justiça! Quantas vezes + 70 vamos ter que dizer e mostrar que Rildo Reis tem as mãos limpas.

    ResponderExcluir
Postagem Anterior Próxima Postagem